domingo, 6 de setembro de 2009

Nobre sentimento





A causa pode ser nobre
Se envolver sentimento
Ninguém é tão pobre
Para não ter contentamento

Falando de amor
Qualquer um pode ser rico
Vivendo sem pudor
Em tentar sei que pratico

Sentimento tão lindo
Bom de falar
Viver com afinco
De sempre amar

Sem nenhum preconceito
De ninguém desfazer
Todos tem um direito
E também um dever

De amar a seu próximo
E sentir um querer
Esse é o propósito
Faça o bem por você

Para mim é gesto sublime
Amar sem nenhuma cobrança
Do coração se exprime
E nos vem à lembrança

Vale a pena amar e fazer o bem, os benefícios sentimos em nossa alma.

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

ACREDITAR SEMPRE























Eu tenho um sentimento

Que é de muita gratidão

Realizar é um acontecimento

Esperado pelo coração



Passei dificuldade

Mas sempre me calei

Esperando pela bondade

Em Deus eu confiei



Sabia que estava no caminho

Mas ainda sem direção

Sobreviver era o destino

Dizia meu coração



Sabia que estava chegando

E que não ia demorar

Pois, estava plantando

Sementes no meu caminhar



Quando muitos não acreditavam

Quanto mais eu persistia

Minha vitória era certa

Era isso que eu queria



Falo das coisas que fiz

Em tudo me dediquei

Mas alguém foi por mim

Em Deus eu confiei



Que por mais que parecia só

Mais força eu encontrava

De mim não tinha dó

No potencial eu demonstrava



Eu sei do meu valor

Mas precisava de uma ajuda

Eu trabalhava com amor

Mas vencer foi minha conduta



Muitas vezes travamos batalha

Para provar o valor que temos

Mas em nada atrapalha

Se tivermos fé, que venceremos!

CIENTISTA DA VIDA


Quero falar da vida
De muitas que já vivi
Cada uma é experiência
Todas elas desenvolvi

Eu me sinto cientista
Na maneira de pensar
Transformo idéias em ouro
Alquimia de transformar

Eu sei que sou um gênio
Nas idéias eu descubro
Viver é oxigênio
Mas, Deus é meu refugio

É como se pudesse tudo
A partir de um querer
Até parece absurdo
Faço algo acontecer

Isso se chama vontade
É a força que a vida move
Não faço nada pela metade
Terminar sempre comove

É um choro de alegria
Que eu faço acontecer
É um fruto de harmonia
Da minha alma com o meu ser

É mesmo potencial oculto
Que não sabia que existia
A cada dia eu descubro
O encanto dessa magia.

Tudo posso quando quero
Se estiver bem motivada
Minha idéia eu entrego
Mas sempre registrada

METAMORFOSE


Eu vivi a transformação
Uma lagarta na fruta em flor
Em momento de transição
Valorizando a paz e o amor

Amor pela natureza
E todos os seres viventes
Eu via toda beleza
Em processo consciente

Na minha metamorfose
Dolorido só um momento
O processo normal não se foge
Trás sempre embasamento

Arrastando-me como lagarta
O tempo correndo bem lento
Do que era ruim já bem farta
Mas vivendo meu momento

Com paciência vivenciei
Minha asa desabrochar
O que em fim apreciei
É que eu podia voar

Alçar um vôo livre
Rumo ao desconhecido
Foi um sonho que tive
Mas por mim bem sucedido

Olhe em que me transformei
Uma borboleta colorida
Voando alto vislumbrei
A lembrança dessa vida

A lagarta que se arrastava
No viver estava voando
Com isso eu me esquivava
Para o destino me lançando

Transformar é necessário
Um pouco a cada dia
No processo imaginário
Esse dia chegaria

Eu sou nova trajetória
Diferente do que fui
Já me toma por memória
Da metamorfose que flui

Para onde vou, não sei!
Por enquanto estou voando
Essa viagem não tracei
Deixo a vida me levando

HAJA PAZ



Que haja paz em seu coração
Que transborde suavemente
A paz trás certa emoção
E nos agrada grandemente

A paz é suave como a brisa
Que sopra em nosso rosto
De paz todo ser precisa
E desfazer do que é oposto

A paz transcende a alma
Sentindo o que é flutuar
Sentimento que nos acalma
Na alma faz transbordar

Expande pelo organismo
Atingindo o ser como um todo
É suave otimismo
Alvo,claro e grandioso

A paz não agride
Pois só existe amor
Se na paz algo consiste
Que a isso dê valor

domingo, 26 de julho de 2009

Trabalho lazer e descanso













Quais são os verdadeiros valores
Que trazemos em nossas vidas?
Podemos ser professores
Com liçoes a serem aprendidas

Em trabalhar se tem o salário
Pela profissão que se exerce
O pagamento se faz necessário
Justamente a quem merece

Mas, também tem um porém
Que não podemos esquecer
O que faz te trás um bem?
Ou faz só por fazer?

Não viva só do trabalho
Procure motivação
Ser carta fora do baralho
É viver sem satisfação

O dia você divide
Em três partes iguais
De uma delas se utilize
E veja bem o que faz

Uma é reservada ao trabalho
Que te dê satisfação
Lembrando dos intervalos
Que te traga distração

Segundo tempo é o lazer
Com o uso se refaz
Use-o com prazer
Atividade que satifaz

Por ultimo vem o descanso
Que o corpo se orienta
Com uma boa noite de sono
Um novo ser se apresenta

sábado, 25 de julho de 2009

Minha neta





















G raciosa benção da vida
I luminada e preciosa
O brigada por existir em minha vida
V oar é pouco para descrever
A alegria que veio nos trazer
N aturalmente nos encanta
N obre beleza inocente
A mor que vem simples ser

D eus nos deu de presente...o
A manhecer de teus sorrisos
N ovo mundo vislumbrei...um
I mpressionante sentimento
O brigada por nos escolher
T odos juntos na mesma familia...no
I nstante de renascer

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Que balanço gostoso


Que balanço gostoso é a vida!!!!!
Hoje estava pensando, que balanço gostoso é a vida, nos leva, a altos e baixos, estou triste ,estou alegre, estou com fome, me alimento, sacio minha fome, estou com sono, dormi!!, ,reparei meu corpo, estou desmotivado, encontro motivação, quero muito, depois penso bem, não quero mais, pensei que soubesse tudo, ai vem informação nova, não sabia nada, penso que estou só, então vejo tanta gente ao meu lado, penso que a vida não tem mais jeito, então vem alguém e me mostra outros jeitos de se viver.... tudo na vida é balanceado.

Não importa o alto e baixo o importante é entendermos que a vida sempre nos ensina, e seja qual for o lugar onde nos encontramos, que possamos estar sempre de bem com a vida.

Que balanço gostoso é a vida!!!!

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Eu sei do meu valor


Monalisa Brasileira é pura inspiração
Quantas vezes pedi ajuda
Para os meus planos dar continuidade
Segui com minha luta
Lutei com dignidade

Acreditando em mim
E no meu potencial
Eu queria só um sim
Para escrever o meu jornal

Quero dar boas noticias
Vida bela poder falar
Uma vida sem malicias
Com o objetivo de amar
Vivendo e escrevendo
Sentindo escrevia
Enxergando minhas belezas
Minha vida permitia

Se sou mesmo esse artista
Agora vou ter que provar
Dificuldade quer que eu desista
Não vou nisso pensar!

Cada um sabe seu valor
Quanto ao meu eu não me oponho
Pois faço tudo com AMOR
Em tudo que a mim, proponho.

Dificuldade Passageira


Tela, Mãe natureza de minha inspiração
Hoje passo dificuldade
Com tamanha sutileza
Ninguém de minha vida sabe
Eu escondo com certeza

Sei que são momentos
E que irão passar
O que eu estou vivendo
Ainda vou prosperar

Alguém já me ajudou
Saciando a minha fome
Um pão que me ofertou
Sem saber que tinha fome

Em Deus tenho esperança
Ele vê o meu estado
Que nele tenho confiança
Nesse momento que vai ser passado

Ele vê que tenho sofrido
Mas em mim existe fé
Ele sabe que não desisto
Vou vencer porque Deus quer

Depois da tempestade
Com ela vem a bonança
Aguentar a dificuldade
Vivendo com esperança

Na vida nada é por acaso
Por isso sempre agradeço
Vencer é o meu caso
Sentindo que mereço

Eu vou vencer!


quarta-feira, 15 de julho de 2009

Determino

Determino o melhor da vida
Nem que tenha para isso bater o martelo
Chega de viver de maneira sofrida
Desfazer do sorriso amarelo
Olhar os campos e ver as flores
Enxergar com mais leveza e contemplar
Experimentando todos os sabores
Saber da vida o que é saborear

Olhei dentro de mim e a surpresa...
Me veio lembrança de meu passado
Falei comigo com gentileza
Coração bateu descompassado

Reconheceu-me imediatamente
E me disse para ser sempre bem vinda
Escutei tudo muito calmamente
Me vi de novo agradecida

Determinei no dia de agora
Ser mais feliz e me alegrar
Tristeza, mandei-a embora
Que bom da vida é determinar

terça-feira, 14 de julho de 2009

O que tem mais valor


O que tem mais valor
O que tenho?
Ou o que sou?

Uma vez me perguntaram
O meu grau de escolaridade
Algumas series me faltaram
Mas convivi em sociedade

Busquei sempre aprender
Interessando-me por cultura
Em processo de conhecer
Não estou a sua altura

Por isso sempre me alegro
Com cada dia acrescentado
No aprender então me entrego
E me faço interessado

Estudo na escola da vida
Todos os dias um lição
Sento-me na primeira fila
Aprendo de coração

Mas qual o meu real valor
Para ter tratamento diferenciado?
Não tenho titulo de doutor
Nem tão pouco sou advogado

Mas havendo diferença eu atuo
Onde há injustiça defendo
No meu conhecimento procuro
E com todas elas aprendo

Não tenho grande conhecimento
Mas me alegro sempre por isso
Aprender é o procedimento
Que para mim é compromisso

Quando penso que tudo sei
Então me vem ocasião
Alegro-me que nada sei
E de tudo tiro lição



segunda-feira, 13 de julho de 2009

Mentira



Alguém fica muito triste
Em saber de uma mentira
A verdade não desiste
No assunto ela se atira

Não se pode esconder
Por muito tempo uma verdade
A mentira te faz sofre
Ela não tem piedade

O sujeito ludibriado
Perde toda confiança
O que fica registrado
É o fato na lembrança

Não há nada que apague
Com um toque de desculpa
Contar logo a verdade
E livrar-se dessa culpa

Aprender uma lição
É falar sempre a verdade
Ganhamos o perdão
Ou quem sabe credibilidade

Na mentira existe um espaço
Mas a verdade é sempre exata
Quem mente arma um laço
Que só a verdade desata

A verdade nunca se aumenta
A mentira aumenta um ponto
A verdade o tempo aguenta
A mentira já vira um conto

A verdade dura para sempre
Aliada da eternidade
A mentira inconsequente
Não resiste a toda verdade

De mentira estou fora
Na verdade estou dentro
Se mentir mando embora
Com a verdade passo o tempo

sábado, 11 de julho de 2009

Cantar





Cantar

Eu canto a vida e ela me encanta
como fuga me ponho a cantar,
escondo os lamentos, por isso canto
enquanto canto não quero chorar,
esse canto até que me embala,
existe uma força no meu cantar
já o lamento o canto me cala
e com o meu canto me ponho a dançar
existem motivos pro meu cantar!
para o meu canto solto a voz
o canto cala o certo lamento
o canto esconde o choro contido
o canto embala o que sinto por dentro
o canto vibra, o timbre exprime...
há tantos motivos pro meu cantar
são notas doces de alegria
se soubesse cantaria a vida todos os dias,
se não engasgasse comeria o meu canto
enxugaria o meu pranto no meu cantar

por isso canto!

sexta-feira, 10 de julho de 2009

O DIREITO DA CRIANÇA

Quer falar com uma criança
Para que ela te obedeça
mostre a ela confiança
Dê oportunidade para que ela cresça

Em estado de fragilidade
A criança eu defendo
Rebeldia e docilidade
As duas eu entendo

Lembro-me quando criança
Quando me fizeram sofrer
Criança tem esperança
Mas também tem um querer

Respeite seus sentimentos
Muitas vezes reprimidos
Precisam de entendimento
Necessitam ser queridos

Para que cresça sem traumas
Dedique amor e cuidado
Sentimento fica na alma
Ás vezes não são apagados

Você pode imaginar..
Que alguém maltrata uma criança?
Chego a me arrepiar
Sinto repugnância

Algumas sofrem abusos
Precisam de proteção
Isso é um absurdo...
Denuncie essa ação

Toda criança merece respeito
De crescer com esperança
Pequenino tem o direito...
Não lhe negue de ser criança




Adoção já


Quantos casais querem ter filhos
Da união se faz um querer
Mas, as coisas saem dos trilhos
Não esperavam acontecer

O corpo não compreende
O motivo e a razão
O vazio não se preenche
E lamenta o coração

O casal quer ter a graça
De um filho conceber
O feto não se enlaça
Não podendo então nascer

Então tentam adoção
Querendo um filho adotar
Todo processo sem razão
Faz o tempo se esgotar

Por isso autoridades
Preste muita atenção
Falo com propriedade
Tem criança sem lar e pão

E pais cheios de amor
E crianças querendo um lar
Para adoção deêm mais valor
É medida mais cautelar

Dois coelhos com uma só cajadada
Vamos fazer andar a fila
Tem criaça necessitada
E casais querendo formar familia

É tudo muito simples
Das autoridades colaboração
Do casal a vontade se exprime
Da-se o ato de adoção

E dos filhos não esconder
Quando nascera fôra adotado
Que o amor o fez escolher
O quanto ele é amado

Luciene Gimenes

quarta-feira, 8 de julho de 2009

HÉROI DO FOGO



Meus olhos enxergam bem
meus ouvidos é quem se faz de surdo
desbravar perigos e ir além...
tragédia é sempre um absurdo

olhando por entre a vidraça
o movimento da rua... os carros a fumaça...
salvou-me a vida com tal bravura...
sem pensar em reconhecimento
meu deu suporte e extrutura
me livras-tes do sofrimento...

as labaredas ainda em chama...
não viu perigo por ali rondando,
confia sua própria vida e não reclama...
como héroi vem trabalhando

todos os dias uma missão
tão diferente, mas, grandiosa
entre os parceiros há união
salvando vidas tão preciosas

escada sobe escada desce
o medo já sai em retirada
antes da jornada se faz a prece
missão honrrosa te engrandece

profissão: salva vidas
onde haja perigo e fogo queimando
ali estará ele, sempre salvando

TERÁPIA DO EU COMIGO


Todos os dias o EU quer conversar
Comigo mesmo confesso
Se comigo mesmo, Eu converso
O EU só sabe versar

Comigo o EU é falante
Ás vezes nos entendemos bem
O EU é muito ancioso,
Agora, comigo mesmo, estou zem

O EU comigo é muito egoista
E comigo mesmo nem se importa
Ás vezes o EU é tão solista
Agora, comigo mesmo é o que importa

Ainda bem que tenho o EU, comigo
E vez enquando sai parceria
Seguimos juntos como amigos
Nos encontramos em terápia

E nessa terápia me encontro
E não tem vez para o mim
E com tantos desencontros
O ego intrometido vem e diz assim

Quem sou o EU nesse divã
Entre, o ego, comigo, sou mais EU
Com quem acordo toda manhã
Todos juntos são meus...

Ao mais forte Eu me entrego
Querendo o interior acessar
O que quer que EU emprego
Sou o EU, comigo mesmo a buscar

Luciene Gimenes

terça-feira, 7 de julho de 2009

PRECISAMOS NOS DESARMAR



Já ouviu dizer que a ávore foi aprender dar frutos?
Que os animais cursaram para aprender o melhor alimento que lhe convém?
Que o solo fez faculdade para saber purificar nossa água atravez de suas camadas ?
Onde aprendeu o solo a cultivar tantas preciosidades , tal como esmeraldas, diamantes, rubis, ouro, etc...
Onde aprendeu a árvore o segredo de adocicar as frutas?
Nossa ciência prova mesmo que os animais não pensam, quando amam, quando morrem de saudade de seus donos ausentes e estranham quem é de fora ou não tem boa índole?
O que dizer da natureza da ostra ao construir suas pérolas?
A Lua serve só para iluminar e nos indicar suas fases no calendário e fazermos nossas simpátias?
O sol só serve para deixar a pele bronzeada para combinar com roupa branca do ano novo??
Não temos certeza de nada, mas, uma coisa é certa, Precisamos nos Desarmar!
Com todo esse exemplo que a natureza auto-didata nos dá.O HOMEM CONSTROE ARMAS PRA QUE????
Se a natureza se renova a cada criação.
Por que o homem quer destruir sua própria natureza?

...."WE MUST DISARM"

segunda-feira, 6 de julho de 2009

HORA DA MORTE



Que horas tem, me diz ai?
Hora precisa, não sei precisar
Se quer te dou a dica
hora vencida se faz chegar

ninguém sabe ninguém viu
ela chegou e veio buscar
com carruagem ao céu subiu
levou-me pr`outro lugar

nem planejei minha viagem
me levaram sem perguntar
por um túnel eu vi passagem
acho que posso, daqui gostar

deixei de tudo desarrumado
para depois foi o meu lema
nessa vida já acostumado
esconder-me foi meu dilema

se a hora é exata, não atrazou
agora tanto faz, nada me importa
hora da morte, nostra, foi? quem? levou?

domingo, 5 de julho de 2009

MEUS OLHOS QUEREM CONTINUAR


Meus olhos que tudo enxergava
Com ele podia ver
Nem o que minha mente negava
Dos meus olhos podia esconder

Minhas imagens minhas lembranças
Com os olhos da alma podia acessar
Sei que levarei esperanças
Para onde meus olhos, olhar

Minhas córneas serão importantes
No meu ato de doação
Se minha boca é tão falante
Meus olhos choram, pela emoção

Não apague a luz que ainda brilha
Em quanto os seus olhos  estão brilhando
Deixe-os continuar a trilha
Para quem ainda está trilhando

DOAÇÃO DE CÓRNEAS, ISSO É MUITO IMPORTANTE
!

NÃO SE PREOCUPE



















Sei que tem problemas...
Mas, tudo tem solução!
Se trabalharmos as ideias
Bem junto do coração

O problema é com ações?
Talvez contas a pagar!?
Tudo tem solução,
É não se preocupar!

Se o problema é amoroso
Tranquilize o coração
Amores são assim mesmo!
Uns vem e outros vão!

Está triste com um amigo
Ele não te foi fiel
Conte sempre comigo!
Sou amigo de papel

Pra você desabafar
Ninguém precisa saber!
Descarregue suas palavras,
Depois me amasse pra valer!

Está mesmo depressivo?
Não pressione não!
Solte logo os seus fardos
Viva com emoção!

Porque viver vale a pena,
E não vale complicar...
Problemas são problemas!
Solução irá chegar!

Para tudo se dá um jeito,
Na vida que se quer levar!
Só não vale levara vida,
Deixando ela faltar!

Que isso! problemas todo mundo tem!
Mais Sábio é aquele, que acha motivos para viver bem!
Problemas tem solução
!

SAUDADES DO TEMPO


Minha idade era cega
Preocupava-me com coisas banais
O tempo passou
O ontem não voltou mais

Sabedoria fala sorrindo
Volte! se recordar
Será sempre bem vindo
Se de alguma coisa lembrar

O que não fez é passado
Na lembrança ficou
O que lembrou é presente
O tempo não apagou

E o que deixamos de fazer?
Por isso pense bem
Se arrepender é uma arte
É o tempo! tente outra vez

A desculpa é sempre a mesma
Hoje não posso!
Vou deixar pra depois
O tempo voa, não volta jamais

Só na lembrança que trás.

O TEMPO


Será que existe tempo?
Mas, tempo o que causa?
Para que serve o tempo?
É tempo ou é pausa?

Há tempo de nascer
De uma doce espera
Em questão de morrer
Ninguém se supera

O tempo não se engana
Eu nunca envelheceria
Se pudesse o tempo enganar
Eu nunca morreria

Seria sempre jovem
E jovem me casaria
Com pessoa muito nobre...
A quem eu amaria?

Não iria a velório
Pois não existiria
Pararia o relógio
Ninguém mais morreria

O tempo não existe!
Você é quem morre
Se você desiste!
Simplesmente o tempo corre!

UM SEGUNDO E UMA VIDA INTEIRA
















Pense bem,
mas, pense outra vez
Repense tudo, conte até dez

É só um conselho
Eu nunca errei
Eu tenho um espelho
Nesse já me olhei

Respire bem fundo
Preste bem ateção
O que trás lá no fundo?
Qual é a emoção?

Falo das coisas
Que se faz sem pensar
Se forem boas
Valem a pena tentar

Qualquer coisa contrária
Aos dez mandamentos
Podem te aprisionar
Irá viver de lamentos

Já que em seu pensamento
Irá sempre lembrar
Existe um momento
Para isso parar

O homem que errar
Viverá aprisionado
Ao crime de não pensar
Já será condenado

Por isso pense bem
É um segundo para errar
E uma vida inteira
Para se arrepender

Existem duas prisões, o cárcere, e a privação de não pensar,as duas estão condenadas a viver o que porderia ter sido evitado.

sábado, 4 de julho de 2009

BEBA, MAS, SEJA CONSCIENTE
















Você pode até beber
Se for liquido então melhor
O que não pode acontecer
É ir de mala pior

Há pessoas que bebem por cede
Outras bebem para estar alegres
Mas, o que realmente se mede
É o teor da bebida que pede

A bebida pode hidratar
Em processo natural
Mas, também pode matar
Em dose descomunal

Tem o beber socialmente
Já que se está em companhia
Se for a tal aguardente
Dela eu me afastaria

O abuso potencializa
Da bebida exagerada
A ideia desorganiza
E já vem a presepada

Se dirigir não beba
Se beber, por favor, não dirija
Ela faz com que se esqueça
E acabe com sua vida

Nos outros quero que pense
Se quiser se embreagar
Um motivo para estar contente
É sua vida valorizar

Faça a melhor opção
De beber e depois ir dormir
Não perca sua razão
Em teimar em dirigir

A MAIORIA DAS CAUSA DE MORTE
QUE SE DÁ EM NOSSAS ESTRADAS
É O EXCESSO DA FALTA DE SORTE
DA BEBIDA EXAGERADA

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Higiene e saúde



As duas andam juntas
E sempre te protege
Quem faz sempre se ajuda
Fazendo o que consegue

Eu não vejo sacrifício
Em alguém lavar as mãos
Eu digo que é preciso
Antes de uma refeição

Em tomar um simples banho
Alguém já sai bem renovado
Beneficcio é tamanho
Se for mais demorado

Ter as unhas aparadas
Já me dá a sensação
Se estiver bem aparadas
já se tem melhor visão

Higiene é educação
Mas, não se aprende na escola
Dos pais vem a lição
E levamos vida a fora

Higiene se faz notar
Com roupas limpas e perfumadas
Em nada tem que provar
De olhar se faz notada

Doação de orgãos












Com meu tempo se extinguindo
Venho e peço o favor
Quero continuar existindo
Com todo o meu amor

Meu coração ainda bate no peito
Quem sabe em outro peito continue
E acho que encontrei um jeito
Que meu amor perpetue

Doa-se um coração sádio
De amor latente e alegre
Jamais esteve vázio
Tudo que senti, me foi leve

Tratei-o tão docimente
Por me permiter bem viver
Entrego-o tão gentilmente
Com meu amor pra você

Doação de orgãos, pense nisso! assim salvamos outras vidas,e continuamos vivendo com elas, atravez delas.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Amor pela arte


Desde muito pequena sempre fui fascinada pelas cores e tudo o mais que as mãos podem criar.
Minha vontade foi alavanca para conseguir o que queria,tinha uma vontade enorme de pintar telas, mas, por outro lado me sentia culpada se fosse ter aulas de pintura, com minhas filhas ainda em idade escolar,pois nessa época, eram passeios, livros, sapatos e roupas, gastos normais dentro do orçamento ainda apertado.
Mas os sonhos continuaram, via aquelas pinceladas em meus sonhos noturnos, um dia, uma amiga que trabalhava com reciclagem me trouxe um material que iria ser destruido.
Puxa vida! era a história da arte e uma galeria inteira com vários mestres da pintura.
Dias depois com apenas trinta reais, comecei minhas primeiras pinceladas solitárias, mas, que me preechiam de uma forma extraordinária.
Pintei vinte e cinco telas, uma bela tarde resolvi expôr em meu portão da garagem, minha surpresa, vendi todas telas e ainda surgiram mais encomendas.
Dentro de mim ainda havia um desejo, de pintar a tela mais famosa, a Monalisa e foi isso que tentei, rsrsrs mas, para quem nunca teve sequer uma única aula, acho que ficou bom, pois desde pequena sempre gostei de fazer desenhos de rostos e certo dia voltando do trabalho uma pessoa sentou ao meu lado no ônibus e me falou que sua irmã estava fazendo psicologia e que já havia comentado que pessoas que deseham rostos, são pessoas que gostam de estar com pessoas, pois apreciam o ser humano, e é assim mesmo que sou, eu amo estar rodeada de pessoas, acho o ser humano fascinante.
Depois de três anos pintando aqui e ali, me chamaram para dar aulas de pintura, pois não é que me sai bem, foram dois anos dando aulas sem ao menos cursar nada, então volto no fator vontade, quando a vontade bater em sua porta, não pense duas vezes, deixe-a entrar.

quarta-feira, 1 de julho de 2009

A Máscara caiu










Eu uso máscaras
Para disfarçar sentimentos
Mascara-se um cara
Para fugir do julagamento

Ela pode ser bonita
Mas engana muita gente
O que trás já escondida
De gesto aparente

Outra medo me causou
Por ela fui espantado
Com seu gesto espantou
De um ponto isolado

A máscara do não se aproxime
Não quero ninguém por perto
Na verdade o que exprime
Quero mesmo ser aceito

A máscara me causa medo
Mas, medo de que?
Esse é segredo
Que quero saber

Nascemos com um rosto
Mas, precisamos de máscaras
É apensa um gosto
Que o rosto disfarça

Que bom que seria
Se todas as máscaras caíssem
E todos conheceria
Falsidade jamais existisse

E todos seriam autênticos
Sem se fazer máscarados
Ninguém seria polêmico
Naturalmente desmascarados

terça-feira, 30 de junho de 2009

Viver faz sentindo


Sentido da vida para mim é um rio correndo pro mar...(curso natural da vida)
Com a certeza de que vou aportar...(Propósito+ segurança+ fé)
Meu porto seguro, sentir, pensar e expressar...(liberdade)
Esse é o meu sentido da vida...(Saber o que se quer)
Se meu barco é a vela em horas que o vento sopra...(Despreocupação)
Em dias parados aciono o motor, o combustivel é a motivação...(ânimo)
Quando falta combustível e não sopra o vento favorável...(Confiança)
Não cruzo os meus braços não!...(Determinação)
Pego o meu remo e me ponho a remar...(Otimismo)
Dá uma dor nos braços...(Preocupações)
Mas quando páro para descansar...(Fé)
Vejo as águas que percorri, valeu a pena!(vivência)
Pois me mostrou o verdadeiro sentido da vida...(Experiências)
O barco pode furar, desistir tanto faz!(Opcões)
Morrer na praia, jamais!...(resignação)
Terra à vista!!! haleluia!!!(vitória)

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Acreditar em sonhos


Acreditar em meus sonhos,
Em sonhos me vejo acordado,
Na minha vida imponho,
Tudo que tenho sonhado...
O Piano dos meus sonhos

No ano de 2002 uma série de sonhos
indicaria o que estava para acontecer em minha vida,
nessa época tinha um desejo forte de possuir um piano, então os sonhos começaram,via mãos tocando o teclado de um piano, ouvia músicas maravilhosas, que hoje sei, não eram desse mundo, foram cinco sonhos,o ultimo sonho, sobrevoava sobre um fazenda e acompanhava o som que vinha de um celeiro.
Um mês depois, fui a um hotel fazenda e no segundo dia, levantei cedo e fui fazer minha caminhada, quando ouvi uma voz ao meu ouvido,que dizia; para voltar e olhar para o lado, foi o que fiz, e quando olhei, lá estava aquele piano maravilhoso, era um piano de calda, estava em cima de uma espécie de carrinho com um telhado improvisado.
Corri para ele e chorava lembrando do meu sonho, bom, o final é que comprei um piano que valia $25,000.00 por apenas $200,00 como precisava de uma restauração consegui um valor de $6,000.00, bom négocio não é mesmo? foi dessa transação que consegui comprar o meu, que está comigo até hoje...Eu acredito em meus sonhos e você, acredita que é possivel sonhar e realizar?

domingo, 28 de junho de 2009

Nossas mentes


De mim falo bastante
É que me conheço bem
Em se tratando de gente
Algo em comum se tem

A mente age de um jeito
Em se tratando de sentimentos
Por isso falo a respeito
Do que temos no pensamento

Parece coisa banal
Mas, que tem grande influência
Um sujeito normal
Também disperta a consciência

Todo tipo de problema
Já ouvi em outra boca
Faz parte de um esquema
Que deixa a mente louca

Só faço comparação
Com coisas que já vivi
Colocamos tanta emoção
Elas passam a existir

Olhe! nós somos parecidos
Nos problemas e soluções
O que foi bem resolvido
Conta as boas emoções

Todo ser humano direito
No interior é igual
Na mente em laços estreitos
Também é super normal

imagens: Curart, a-arte-da-consciência

sábado, 27 de junho de 2009

Minha revolta


Muitos anos de calmaria
Sempre o mesmo sentimento
Pensando que eu me calaria
Trocando o velho pensamento

E nesse intento me desconheço
E já arrisco um palpite
Sentindo por mim um apreço
Meu interior não admite

Minha natureza é tão bela
Dotada de tamanha grandeza
Achando-me tão singela
Com tamanha estranheza

Dificil é conviver comigo
Pois o processo é mesmo critico
Se é uma fase só faz doer
Preciso achar um artificio

Me encontrar é um caminho
Talvez permita reflexão
Preciso estar mesmo sozinho
Encontrar resposta no coração

Notar quem realmente sou
Em muitas turbulências
Desnudar as faces do amor
Entrar em estado de consciência

Se o caminho for desencontrado
Que nessa busca eu me encontre
Que possa estar estruturado
Para que no fianal não me desAponte

Dificil é conviver comigo
Estando em minha companhia
Que de mim possa ser amigo
Que me aceite todo dia

Muitas vezes o que o outro faz
Mexe de um jeito meu interior
Que no final encontre Paz
Eu sei quem sou e do meu valor!

Fale ou procure ajuda


Conversar é a melhor solução
se quiser esclarecer,
Falar de corção,
isso nos faz cerscer,

Tem coisas que tem que ser ditas
Com certa moderação
Gritar não se precisa
Falar sim, por precisão

Desfazer mal entendido
Falando calmamente
Se fazendo bem ouvido
Falando claramente

Nos trás um benefício
Podendo falar o que pensa
Respeitando em dacrifício
Sem usar ofensa

Você tem que desbafar!!
Mas, com pessoa certa
Essa não vai contar
O motivo da conversa

Assim, você vai acertar!
Procure especialista,
Ele vai te aconselhar
Falo de um psicanalista!

Conte seu problema
O que muito te afeta
Ele sabe o esquema,
Em ordem alfabética!

Tem coisas que só dizemos
A quem nós confiamos
No profissional podemos
É a ele que confideciamos
!

Elegância
















De onde vem essa elegância?
Caminhado bem faceira
Externando exuberância
Belo rosto macieira

Elegante sei que sou
E me faço encantada
No olhar que me lançou
Eu me faço envergonhada

Bem me faz ser elegante
De cabeça bem erguida
Me desculpe sou falante
Mas, não sou tão distraida

Eu me atenho a onde estou
E me faço educada
Se alguém me reparou?
No olhar que me lançara

Sou feita de doçura
Se o assunto é perfeição
Em um gesto de candura
No falar com educação

Não sou a Cinderela
Mas, me comporto como tal
Não estou em passarela
No andar eu sou normal

Elegância nasceu comigo
E com ela me pareço
No andar que certifico
Gentilmente permaneço

Elegância é fascinante
Por ela sou encantada
Eu me acho deslumbrante
Se estiver bem arrumada

Do perfume artificio
Que só vem acrescentar
Elegância é principio
Minha vida comportar

Amanha pode ser tarde...


Se deixarmos tudo para amanha, pode ser tarde demais,
Tarde demais, para dizer que ama,
Tarde demais, para ser feliz,
Tarde demais, para perdoar,
Tarde demais, para esquecer,
Tarde demais, para ajudar,
Tarde demais, para dar de comer a quem tem fome,
Tarde demais, para agasalhar a quem tem frio,
Tarde demais para encontrar-se consigo mesmo,
Faça do hoje, o amanha que ainda não veio, e realize tudo que é possivel, dentro de nós há possibilidades infinitas para ser sempre melhor, para ver o melhor em tudo e em todos, a felicidade pode estar a nossa espera , quando assim escolhemos estar com ela, ela nos segue por toda eternidade.
Se há um lugar onde posso ajudar a melhorar tudo , esse lugar é o hoje.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Drogas, estou fora


Ontem eu era forte
Até que me apresentaram
Antes que dêsse um corte
Foi assim que me drogaram

Estava mesmo tão fraco
Não percebi a invasão
Foi assim que tomei do frasco
Foi o começo da perdição

Se era quimico, não sei
Só sei que mau me senti
No ato que experimentei
Do ruim eu pressenti

Não era nada de amigo
Só estava me aliciando
Eu senti que foi comigo
Estava me viciando

Agora é um pouco tarde
Dependência me causou
Antes que me mate
Quero sair de onde estou

Em um ato de coragem
De sair em quanto é tempo
Persistir é uma bobagem
Na lucidez me convenço

Estou acabando com a vida
Essa que Deus me deu
Não vou apressar a partida
Para droga disse adeus!

Happy é minha música ...




E continuará sendo a minha preferida, sua batida, toca alma,hoje chorei, ao escutá-la novamente,e vendo sua tradução, trás o que toda alma sente, quando encontra a felicidade, novamente aquela alegria quando manda a tristeza embora.

Happy, Michael Jackson

A tristeza estava
Tão perto quanto um parente próximo
Então a felicidade veio um dia
E mandou embora minha melancolia
Minha vida tornou-se um alegre sorriso
Terno como um doce para uma criança
Fique aqui e me ame por algum tempo
Deixe a tristeza ver o que a alegria faz
Deixe a alegria ficar onde a tristeza estava
Sou tão feliz porque você ...
Porque você tenha feito minha vida nova
Perdido como uma ilha eu estava
Até que você apareceu
Minha vida tornou-se um alegre sorriso
Terno como um doce para uma criança
Fique aqui e me ame por algum tempo
Deixe a tristeza ver o que a alegria faz
Deixe a alegria ficar onde a tristeza estava, até
agora
Por onde eu estava ?
Com o tempo da vida se extinguindo
Suspenso entre tempo e espaço
Sozinho até que ...
A felicidade sorriu para mim
A tristeza soube seu lugar
Eu orei em silêncio
Deixe a tristeza ver o que a alegria faz
Deixe a alegria ficar onde a tristeza estava
Até agora

Terra do nunca



Se alguém perguntar por mim, diga; que fui para terra do nunca... Lugar onde nunca existiu a maldade, Lugar onde os risos são constantes, Lugar onde toda a dor já fôra extinta, Terra onde nunca ninguém magoa ou será magoado, Terra onde se ouve as melhores noticias,as mais lindas canções,terra onde a morte não passa de uma fantasia, Terra do nunca vou te deixar, onde nunca existiu guerra, pois os seus habitantes são iluminados pela Paz, fui para a terra do nunca, mas sempre estarei com todo aquele que nunca deixar de ser criança, existirei na memória de quem ouviu falar de mim. Tributo ao Michael Jackson.